SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

30 POSTOS ATACADOS EM PORTO ALEGRE NESTE ANO

ZERO HORA 07 de fevereiro de 2013 | N° 17336

NA MIRA DE BANDIDOS

Capital tem 30 postos atacados só neste ano



O 30º assalto a postos de combustíveis em Porto Alegre em 2013 ocorreu na madrugada de ontem, no bairro Morro Santana. Alvo dos bandidos pela segunda vez em menos de um mês, o estabelecimento localizado na Avenida Protásio Alves já tinha sido assaltado outras oito vezes no ano passado.

Segundo o proprietário, Francisco da Costa, na última investida, dois homens armados chegaram a pé ao local e renderam a dupla de frentistas da madrugada. Justamente ontem, o segurança contratado chegou atrasado ao trabalho.

– Eles usavam moletom com capuz e colocaram a arma no rosto de um dos frentistas. Levaram só o dinheiro, mas ficou o trauma, mais uma vez – desabafou o dono.

De tanto perder o sono esperando uma ligação na madrugada anunciando um novo assalto, Costa já pensa em desistir do ramo no qual atua há 12 anos:

– Há mais de quatro anos não éramos vítimas dos ladrões. Desde 2012, a situação piorou. Não dá vontade de continuar.

Preocupado com a quantidade de ataques, o presidente do Sindicato dos Postos de Combustíveis (Sulpetro), Adão Oliveira, tem enviado semanalmente à Brigada Militar um relatório com os locais assaltados para facilitar o trabalho de prevenção da polícia.
Postar um comentário