SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 26 de março de 2013

CAXIAS DO SUL FIGURA ENTRE AS CIDADES BRASILEIRAS MAIS VIOLENTAS


O PIONEIRO 25/03/2013 | 06h22

Pesquisa nacional

Para cada 100 mil habitantes, o maior município serrano registra a média de 31 assassinatos

Roberto Nielsen


A cidade reconhecida nacionalmente pela economia vibrante foi confirmada semana passada, por meio do Mapa da Violência 2013 do Instituto Sangari (SP), como uma cidade de assassinos. A mesma Caxias do Sul considerada uma das 10 melhores cidades brasileiras para viver, também é capaz de registrar uma média de 31 assassinatos para cada grupo de 100 mil residentes.

Em 2010, ano do estudo, 137 dos 427 mil habitantes foram mortos. Embora seja de 2010, o número mantem-se atual: os 133 assassinatos do ano passado resultam na mesma média.

As 31 vítimas por 100 mil significam mais mortes do que São Paulo (10,4) e Rio de Janeiro (23,5). O número de Caxias é três vezes maior do que o considerado aceitável pela Organização das Nações Unidas (10) e 50% acima da média nacional, de 20,4.

Considerando que os homicídios cresceram 20,9% em 2012 em comparação com 2011 e que pelo menos outras 200 pessoas escaparam vivas de tentativas de assassinatos, Caxias poderá ultrapassar Porto Alegre (32,8) rapidamente. Por outro lado, os otimistas podem comemorar o fato de ainda estarem bem distantes da campeã Maceió (94,5).

O que faz de Caxias uma cidade de assassinos é principalmente o comércio de drogas. A grande maioria das 137 vítimas de 2010 ou das 133 do ano passado era usuária e/ou traficante endividado ou disputava um ponto com grandes operadores do tráfico de crack e cocaína. Também há casos de queima de arquivo.

Não é raro ouvir pelas ruas "enquanto for entre eles, tudo bem". O problema, alerta Juan Mario Fandino, do Núcleo de Estudos sobre Violência da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, é que há uma inter-relação entre narcotráfico, roubo de veículos, assassinatos e crimes de uma maneira em geral.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

02/07/2012 | 06h11

Semestre aponta onda de assassinatos em Caxias do Sul. Setenta e cinco pessoas foram mortas na cidade na primeira metade do ano

Guilherme A. Z. Pulita

Os seis primeiros meses de 2012 revelam uma estatística preocupante em Caxias do Sul: nunca se matou tanto na cidade. Entre 1º de janeiro e 30 de junho, 75 pessoas foram assassinadas. Para se ter uma ideia, em todo o ano passado houve 110 mortes na cidade. A explicação para tanta violência e, por consequência tantas mortes, pode ser encontrada no perfil dos autores e vítimas, invariavelmente, ligadas à criminalidade. A prova disso é que 50 das 75 vítimas tiveram passagem pelo sistema prisional ao longo de suas vidas.

Analisando uma radiografia dos crimes, é possível estabelecer uma perfil de quem morre em Caxias. A maior parte das vítimas é homem, tem entre 18 e 35 anos e está em liberdade provisória. Os crimes tendem a acontecer aos domingos, entre as 18h e meia-noite, e com o uso de arma de fogo. 

Outro resultado da violência é a participação cada vez maior de adolescentes na criminalidade, sejam como vítimas ou autores dos homicídios. Na primeira metade do ano, 12 adolescentes foram mortos, ou seja, 16% dos crimes do período. Oito deles tinham algum tipo de envolvimento com a delinquência ou estavam profundamente inseridos nela.


26/03/2013 | 07h37

Mulher sofre sequestro-relâmpago e tem carro roubado em Caxias do Sul. Vítima foi largada nas proximidades do shopping MartCenter

Uma mulher teve o carro roubado em sequestro-relâmpago na manhã desta segunda-feira em Caxias do Sul. Ela foi surpreendida por volta das 8h30min na Rua Osmar Meletti, no bairro Cinquentenário. De acordo com o Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra), a motorista, de 43 anos, dirigia um CR-V próximo a uma concessionária quando dois criminosos a obrigaram a parar. Um deles se jogou em frente ao veículo. Os homens portavam revólver e arma de choque. Ao render a vítima, eles a levaram até as proximidades do Shopping Matcenter e a libertaram. Os criminosos fugiram em direção ao bairro Desvio Rizzo. Além do veículo foram roubados U$ 400, R$ 500, celular, joias e roupas. O carro foi encontrado por volta das 15h na Estrada da Uva, próximo a Forqueta.

Outro veículo também foi roubado por volta das 19h15min na Rua Moreira César, no bairro Pio X. Dois homens armados abordaram um motorista de 47 anos e levaram um Astra. Eles fugiram em direção ao bairro São José. Em ambos os casos, ninguém foi preso.


25/03/2013 | 07h33Homem é esfaqueado em briga no interior de Caxias do Sul. Vítima passou por cirurgia e está em estado grave

Um homem de 46 anos foi esfaqueado por um colega de trabalho durante uma briga na noite deste domingo em Caxias do Sul. O tumulto ocorreu por volta das 19h30min em uma fazenda entre Santa Lúcia do Piaí e Fazenda Souza. Os envolvidos eram funcionários da propriedade. Conforme o Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra), a vítima foi atingida por uma facada no peito e socorrida pelo dono da propriedade. Encaminhada ao Hospital Pompéia, passou por cirurgia ainda na noite de domingo e está em estado grave. O autor da lesão fugiu.


26/03/2013 | 10h54 - Revenda de tratores é assaltada em Farroupilha. Criminosos renderam vigilande e exigiram cofre

A revenda de tratores Mantomac foi assaltada na madrugada desta terça-feira em Farroupilha. A ação ocorreu por volta das 4h30min. De acordo com a Brigada Militar (BM), homens armados renderam o segurança e levaram o cofre da empresa. O vigilante foi levado como refém e libertado na localidade de Desvio Blauth, onde o veículo Prisma utilizado na ação foi abandonado. Ninguém se feriu.


26/03/2013 | 07h09 - Assaltante de ônibus é detido por populares em Caxias do Sul. Crime ocorreu na Rua Pinheiro Machado, no Centro

Um assaltante de ônibus foi detido por populares na noite desta segunda-feira em Caxias do Sul. O veículo passava pela Rua Pinheiro Machado, no Centro, por volta das 22h, quando o criminoso efetuou o roubo. Segundo o Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra), o motorista e o cobrador detiveram o assaltante dentro do veículo até a chegada da Brigada Militar (BM).Os PMs encontraram o homem, de 24 anos, sentado no corredor com R$ 15,10 que havia roubado do caixa. Ele foi encaminhado à delegacia para registro.


25/03/2013 | 09h49 - Padaria é assaltada no bairro Lourdes, em Caxias do Sul. Criminoso levou cerca de R$ 200

Um homem armado com um revólver assaltou uma padaria por volta das 15h30min de domingo no bairro Lourdes, em Caxias do Sul. Um funcionário que estava no estabelecimento relatou que o criminoso era alto e moreno.  O homem levou cerca de R$ 200 do caixa.


25/03/2013 | 08h26 - Homem é preso após assaltar residência no bairro Colina Sorriso, em Caxias do Sul. Ação ocorreu por volta das 21h na Rua Mário João Bevilaqua

Um homem foi preso após assaltar uma residência na noite deste domingo em Caxias do Sul. A ação foi por volta das 21h na Rua Mário João Bevilaqua, no bairro Colina Sorriso.

Segundo o Comando Regional de Polícia Ostensiva da Serra (CRPO/Serra), dois homens armados entraram na residência enquanto outro ficou em um Peugeot 308. Pelo menos uma pessoa estava na casa.

Os criminosos levaram objetos e um veículo Azera. Acionada, a polícia localizou e perseguiu o Peugeot no bairro Fátima. O veículo conseguiu fugir, mas foi localizado batido pouco depois. Ele havia sido roubado no dia anterior.

Mais tarde, os PMs localizaram um homem com as características de um dos criminosos relatadas pela vítima. O suspeito possui diversas passagens pela polícia e foi reconhecido pela pessoa abordada. Com ele, havia dólares neozelandeses, que haviam sido levados da casa.

O homem acabou levando os policiais até a Rua Waldemar Lazzarotto, também no bairro Fátima, onde foi abandonado o Azera. No veículo também estavam os outros objetos roubados. O criminoso foi encaminhado à delegacia onde teve lavrado o flagrante.


Postar um comentário