SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sexta-feira, 26 de abril de 2013

VIOLÊNCIA EM ALTA

ZERO HORA 26 de abril de 2013 | N° 17414

TAQUARI - MORTE BRUTAL. Corpo de garota é achado sem pernas. Adolescente de 16 anos estava sumida havia mais de uma semana em Taquari

VANESSA KANNENBERG

Depois de oito dias desaparecida, uma adolescente foi encontrada ontem morta em Taquari sem as pernas. Maitê Vaz Cavalheiro, 16 anos, havia dito que iria na casa de uma irmã, mas nunca chegou ao destino. De acordo com a delegada Betina Martins Caumo, o corpo da garota estava em avançado estado de decomposição. Ele foi localizado pela Brigada Militar em uma mata, a cerca de 15 quilômetros do centro do município. A identificação foi feita pelas digitais das mãos e pelas roupas que ela usava. De acordo com o pai da vítima, o catador Luiz Carlos Cavalheiro, 55 anos, a filha morou com um namorado, que teria 30 anos, por mais de um ano. Mas, há duas semanas, segundo Cavalheiro, Maitê havia pedido para voltar a morar com ele. No dia 17, ela teria dito que iria na casa de uma irmã, que mora com o marido. Desde então, estava desaparecida.

– Quando vi que ela não estava, comecei a procurar na casa das amigas e não achei. A gente nunca imagina que uma coisa dessas pode acontecer com a gente – afirma o pai da vítima.

Cavalheiro registrou a ocorrência na polícia cinco dias depois do sumiço de Maitê. Ele e a mulher, Adriana Vaz Cavalheiro, 35 anos, funcionária de uma empresa da região, têm outros cinco filhos, com idade entre cinco e 20 anos.

Polícia tenta descobrir a arma usada no crime

O corpo da adolescente apresentava ferimentos no pescoço e nas costas, que, segundo a delegada, seriam compatíveis com arma branca, como por exemplo uma faca. Mas ainda não se tem provas do objeto usado no assassinato.

Com a investigação em andamento, Betina prefere não dar detalhes sobre o caso:

– Podemos dizer que o corpo foi encontrado e identificado, nada mais, porque a investigação está ocorrendo e poderia ser atrapalhada.

Segundo a funerária Costa, a família preferiu não realizar o velório e a menina foi enterrada ainda na tarde de ontem.


PICADA CAFÉ - Quadrilha ataca comércio na Serra

Cinco criminosos atacaram uma lotérica e uma relojoaria no centro de Picada Café, na Serra. Os ataques aos dois estabelecimentos, localizados na Rua Vicente Prieto, aconteceu às 17h15min de quarta-feira. Foram roubados cerca de R$ 10 mil da lotérica e R$ 600, laptop, relógios e joias da relojoaria. Um cliente da lotérica levou uma coronhada na cabeça. Os bandidos fugiram em um Voyage roubado em Porto Alegre, posteriormente abandonado.


PORTO ALEGRE - Polícia descobre dois desmanches de veículos

Após dois meses de investigações, agentes da Delegacia de Roubo de Veículos (DRV) desarticularam duas quadrilhas que receptavam e desmanchavam veículos roubados em Porto Alegre.

As prisões aconteceram em Novo Hamburgo e em Taquara. Altemir Dallabeta, 38 anos, dono da Bartolomeu Autopeças, no bairro Canudos, em Novo Hamburgo, foi preso em flagrante na terça-feira à tarde. No pátio da empresa, um veículo roubado estava sendo desmanchado. Alguns equipamentos haviam sido retirados e substituídos por outros. Várias outras peças, com numerações suprimidas, foram encontradas.

Na noite de quarta, foi a vez de os policiais cumprirem mandados de busca e apreensão em um desmanche de Taquara. No pátio da Empresa Car Autodemolidora, agentes encontraram os motores de cinco carros roubados no dia 15 de abril no bairro Petrópolis, na Capital. Diversas peças que tiveram a numeração adulterada também foram apreendidas. João Paulo Rosa dos Santos Junior, 18 anos, e Antonio Gilmar Rosa dos Santos, 37 anos, sócios e proprietários da empresa, e Arildo Gonçalves Vieira, 35 anos, gerente do local, foram presos em flagrante.

Eles foram autuados pelos crimes de receptação qualificada e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Segundo o titular da DRV, delegado Juliano Ferreira, as investigações apontavam que carros roubados na Capital eram repassados pelas quadrilhas para desmanches do Vale do Sinos.
Postar um comentário