SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sexta-feira, 14 de junho de 2013

LEGIÕES FRANCESAS

O SUL, 14/06/2013

WANDERLEY SOARES

Depois da Marselhesa, Porto Alegre retornou aos tempos modernos.


A passagem da seleção da França por Porto Alegre, onde enfrentou o nosso glorioso esquadrão brasileiro, proporcionou azo para que, durante uma semana, as melhores cabeças da Brigada Militar levassem a cabo uma estratégia de policiamento para francês ver, especialmente nos caminhos que levam ao Gigante da Beira Rio, o que beneficiou, durante esse período, alguns setores do Centro Histórico da Capital, da Cidade Baixa e Praia de Belas. No entanto, foi ligeira a visita dos cantores da Marselhesa e, tão logo voaram eles para suas casas na "vielle France", Porto Alegre retornou aos seus tempos modernos com assaltantes a percorrer, dia e noite, as esquinas, as escadarias, as galerias visando, com frequência maior, às mulheres e idosos. Aqui em minha torre, falo aos meus conselheiros que não temos o direito de desistir, pois dia haverá em que teremos a capital de todos os gaúchos em paz para todos os brasileiros, independente das sempre bem-vindas legiões francesas.


Quadrilha


Três pessoas foram presas em Sapucaia do Sul, na manhã de ontem, acusadas de integrar uma quadrilha de especializada em roubo de carga e de joalherias. Outros três integrantes do grupo permanecem foragidos.


Grau de incêndio



A Justiça deu prazo de dois meses para o governo apresentar o plano de prevenção contra incêndio para as escolas estaduais de Porto Alegre. A Secretaria da Educação informou que as escolas em geral são classificadas como de pequeno grau de risco de incêndio. Ora, mas a prevenção deve ser contra pequenos e grandes incêndios. Se há risco, ainda que pequeno, deve existir prevenção.


Mulheres (1)


A secretária de Políticas para as Mulheres do Estado, Ariane Leitão, sobre a onda de violência contra mulheres no RS, criticou a postura do Poder Judiciário ao promover audiências de conciliação entre agressor e agredida. Ariane, hoje, tem reunião com o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Marcelo Bandeira Pereira, para tratar do problema. Somente no primeiro semestre, 44 mulheres foram mortas no RS.


Mulheres (2)


Agentes do Denarc prenderam ontem uma jovem de 22 anos que transportava num carro uma mala com 30 kg de drogas - crack e maconha - da Zona Leste da Capital para a Zona Norte. Outra traficante, responsável pela encomenda dos entorpecentes, está sendo investigada.


Assalto


Três homens encapuzados invadiram uma residência no bairro Partenon, em Porto Alegre, e roubaram 90 mil reais do cofre. Também levaram relógios, joias e um revólver de calibre 38. O assalto aconteceu pouco antes da meia-noite de quarta-feira na rua Guilherme Alves, quase esquina com a avenida Bento Gonçalves.
Postar um comentário