SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

domingo, 23 de junho de 2013

PAI E FILHO SÃO BALEADOS AO REAGIREM A ASSALTO EM PORTO ALEGRE

ZERO HORA ONLINE 23/06/2013 | 15h12

Pai e filho são baleados ao reagirem a assalto no Bairro Hípica, em Porto Alegre. Ladrão também foi atingido no momento em que entrou em luta corporal com os donos da padaria


Padaria foi alvo pela terceira vez em oito anos
Foto: Lívia Stumpf / Diario Gaucho

Aline Custódio


Uma tentativa de assalto a uma padaria deixou duas pessoas baleadas por volta das 13h deste domingo na Rua Hermes Pacheco, Jardim Urubatã, no Bairro Hípica. De acordo com a Brigada Militar, Wiliam da Silva Barbosa, 21 anos, e mais dois comparsas tentaram assaltar uma padaria. Porém, os donos do estabelecimento, que são pai e filho, reagiram e entraram em luta corporal com os ladrões.

No momento do assalto, havia cinco funcionários e dois clientes na padaria Casa do Pão. Dois homens entraram, pegaram refrigerantes e anunciaram o assalto. Ao saírem do local levando o dinheiro, deram de cara com os proprietários da padaria. Eduardo Ridieri, 46 anos, segurou a mão de um dos assaltantes, enquanto seu filho, Rafael Ridieri, 22 anos, deu uma pancada na cabeça do outro ladrão, que reagiu atirando. O comparsa entrou em um Palio amarelo e fugiu.

O pai, Eduardo, foi atingido de raspão no queixo e na perna direita. Rafael levou um tiro na clavícula esquerda. Os dois foram socorridos por moradores e levados ao Hospital de Pronto Socorro. Eduardo foi liberado ainda na noite de domingo.

Wiliam foi socorrido pelo Samu e também encaminhado ao HPS. Ainda consciente, ele teria dito a populares que o trio estava de bobeira quando decidiu fazer o assalto e que estava até cansado.

Ainda de acordo com a Brigada Militar, havia apenas um revólver 32 no local e, pelo menos, cinco tiros teriam sido disparados. É a terceira vez que a padaria é assaltada em oito anos.


DIÁRIO GAÚCHO

Postar um comentário