SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 20 de agosto de 2013

ATÉ AUTORIDADE

ZERO HORA 20 de agosto de 2013 | N° 17528


Delegado tem carro roubado por dupla


Nem a polícia escapa dos ladrões de carro na Capital. Na noite de domingo, o delegado Airton Figueiredo Martins Junior, que atua nas equipes volantes da Polícia Civil, em Porto Alegre, foi alvo de assaltantes, na Avenida Toropi, bairro Petrópolis.

Os bandidos levaram o Focus branco, com um revólver calibre 38 e a carteira funcional do delegado. Ainda durante a noite, o carro foi recuperado a menos de um quilômetro do local do crime, na Avenida Taquara. A arma e os documentos, no entanto, não foram encontrados.

– Já ouvimos o delegado e estamos apurando informações, de acordo com as características dos suspeitos, sobre as diversas quadrilhas que estão atuando nessa região da cidade – explica o delegado Carlos Miguel Locks Xavier, que apura o caso na 8ª DP da Capital.

Bandidos renderam policial quando ele chegava em casa

Airton foi surpreendido por dois homens quando chegava em casa com a namorada. Já havia acionado o portão da garagem, e a dupla teria se aproveitado para entrar no pátio e render o delegado. Ele não teria reagido à ação dos bandidos, mas chegou a ser socorrido ao Hospital de Pronto Socorro (HPS) por ter sido agredido.

A suspeita da polícia é de que os bandidos tenham se livrado do carro ao perceberem que a vítima era um delegado.



CRIME EM ERECHIM. Homem executado na frente de casa

Um homem foi morto a tiros no começo da noite de domingo, em Erechim, no norte do Estado. João Paulo Salustiano da Cruz, 26 anos, foi atingido por três tiros em frente de casa, na Rua Alberto Marchesini, bairro Castelo Branco. Ele estava com a mulher e um bebê, que não se feriram. Segundo a Polícia Civil, cinco suspeitos estavam no local do crime, mas apenas dois teriam efetuado os disparos. Até ontem, ninguém havia sido preso. A suspeita, de acordo com a polícia, é que o crime tenha sido um acerto de contas.



Postar um comentário