SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

COMERCIANTE ATIRA EM LADRÕES E MATA ADOLESCENTE

ZERO HORA ONLINE 14/08/2013 | 16h20

Imagens mostram comerciante atirando em assaltantes em Rio Grande. Adolescente de 17 anos estava no carro e morreu após ser alvejada na manhã de terça-feira


Imagens detalham toda a ação que culminou na morte da jovemFoto: Polícia Civil / Divulgação


A polícia civil divulgou nesta quarta-feira imagens da câmera de segurança localizada em frente ao açougue onde uma adolescente foi morta durante uma tentativa de assalto, no bairro Santa Tereza, em Rio Grande, no sul do Estado. O crime ocorreu na manhã de terça-feira.

Nas imagens, fica clara a chegada de um Gol que estaciona em frente ao estabelecimento. Três homens descem do carro, abrem o capô e tentam furtar gasolina e os espelhos de uma moto que estava na rua.

Neste momento, as câmeras registram também quando o braço do proprietário do estabelecimento, empunhando uma arma, atira em direção ao carro. Neste momento, dois dos homens fogem do local. Um deles vai ao carro e, aparentando estar desesperado, tenta socorrer uma jovem, que estava sentada no banco do carona.

Em depoimento à polícia, o comerciante afirmou que não teve intenção de matar a adolescente. Segundo ele, a ideia era espantar os assaltantes. Ele alegou que os vidros escuros do carro o impediram de ver que havia uma pessoa dentro do veículo.

A polícia continuará investigando o caso.






Postar um comentário