SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

POLICIAL REAGE A ASSALTO E BANDIDO MORRE

ZERO HORA E DIÁRIO GAÚCHO, 06/08/2013 | 01h48

Reação

Homem é morto por policial civil durante tentativa de assalto na zona sul de Porto Alegre. Suspeito estava usando um revólver calibre 38 furtado no momento do crime

Um policial civil reagiu a uma tentativa de assalto no Bairro Nonoai, zona sul da Capital, e matou o suspeito. A ação ocorreu por volta das 17h40min desta segunda-feira, quando um inspetor da 3ª DPPA estava em seu carro particular na esquina da Avenida São Sebastião com Rua Otávio de Souza.

O homem teria se aproximado do veículo e, com um revólver apontado para o pescoço do motorista, exigiu o celular e a carteira. O inspetor entregou seus pertences. Ao reconhecer a identificação funcional de policial civil, o suspeito teria começado a atirar na lateral do veículo. O inspetor sacou sua pistola e atirou no homem, ferindo-o no peito duas vezes. O policial nada sofreu.

Segundo a Polícia Civil, a vítima foi identificada como Alberto Rafael Rodrigues Afonso, 29 anos. Ele tem diversos antecedentes por roubo, tráfico, receptação, tráfico de drogas e no momento do ataque usava uma arma furtada. Uma mulher que se apresentou à polícia como companheira da vítima disse que ele teria saído do Presídio Central na semana passada.



Postar um comentário