SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

MAIS UMA ONDA DE CRIMES

ZERO HORA 16 de setembro de 2013 | N° 17555



CAXIAS DO SUL - Perseguição termina em morte na Serra

Polícia entrou em confronto com suspeitos de assalto a centro comunitário


Um dos suspeitos de assaltar um centro comunitário no bairro Cidade Nova, em Caxias do Sul, morreu em confronto com a Brigada Militar, por volta das 20h15min de ontem. Outro suspeito também foi baleado e está em estado grave no Hospital Pompeia.

Um terceiro homem, que passava a pé pela rua no momento do confronto, levou um tiro de raspão na perna, e não corre risco de morte. O tiroteio aconteceu no bairro Reolon. Segundo o Comando Regional de Polícia Ostensiva (CRPO/Serra), a dupla teria rendido frequentadores do centro comunitário, ao lado da Escola Érico Cavinato, na Rua Abel Postali. Os dois carregaram objetos pessoais das vítimas e fugiram em um Voyage, em direção ao Reolon.

Veículo de bandidos foi interceptado por viatura

Um policial militar à paisana soube do crime e perseguiu a dupla. Nesse meio tempo, outras viaturas da BM foram acionadas. O confronto entre os PMs e os suspeitos ocorreu no entroncamento da Rua Francisco Spiandorello com a Rua João Carlos Dresch. Uma viatura interceptou o Voyage, batendo no lado dianteiro do veículo. A dupla teria reagido a tiros.

Um deles caiu no lado de fora, próximo à porta do motorista, e morreu antes de receber socorro. O segundo, alguns metros adiante e foi levado para o hospital por uma ambulância do Samu.

Conforme o CRPO, foram apreendidos um revólver e uma pistola com os suspeitos. A identidade da dupla não tinha sido confirmada ontem.


PORTO ALEGRE - Mulher é executada dias após o marido ser morto

A execução de uma mulher de 41 anos, na manhã de sábado, no bairro Belém Novo, em Porto Alegre, pode estar ligada ao assassinato do marido dela, a menos de um mês. Fernanda Rosa foi baleada dentro de casa e morreu durante atendimento no Hospital de Pronto Socorro (HPS).

Por volta das 5h30min de sábado, um homem encapuzado teria invadido a casa de Fernanda, na Avenida Heitor Vieira, zona sul da Capital. Armado com uma pistola 9mm, atirou várias vezes na mulher, que caiu no corredor entre o banheiro e os quartos. O atirador foi até ela e disparou mais algumas vezes.

Os dois filhos de Fernanda estavam na casa no momento dos disparos, mas não ficaram feridos. Ela chegou a ser socorrida e levada ao HPS, onde morreu por volta das 7h de sábado.

– O marido dela já havia sido executado no mês passado – contou o titular da 4ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DPHPP), delegado Gabriel Bicca.

Vladimir de Abreu Oliveira, 35 anos, estava em um Astra na Avenida Juca Batista em 19 de agosto, quando um carro branco cortou a frente de seu veículo. Os ocupantes do automóvel começaram a atirar na direção dele. Atingido por um disparo na cabeça, ele perdeu o controle do carro e colidiu em um poste. Os atiradores fugiram. Conforme o delegado, a principal linha de investigação é de que os crimes tenham ligação com o tráfico.

CAROLINA ROCHA


PORTO ALEGRE - Jovem assassinado na Cidade Baixa

Julio Cesar Vaz Dias, 25 anos, morreu às 6h55min de ontem no Hospital de Pronto Socorro, em Porto Alegre. Ele havia dado entrada no HPS após ser baleado na cabeça, por volta das 2h, na Travessa Pesqueiro, bairro Cidade Baixa. Segundo o delegado Filipe Borges Bringhenti, titular da 2ª Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a suspeita de que o crime tenha ligação com o tráfico de drogas. Julio tinha passagens por tráfico e posse de entorpecentes.


PORTO ALEGRE - Homem é esfaqueado no Parque Harmonia

Uma briga entre vizinhos terminou com um homem ferido por uma facada, nadrugada de ontem, no Acampamento Farroupilha, na Capital.

Atingido por um golpe na barriga, Roger da Silva Ramos, 22 anos, chegou ao Hospital de Pronto Socorro em estado grave por volta de 2h30min. No fim da manhã, estava em estado regular.

Segundo o delegado Filipe Borges Bringhenti, titular da 2ª DHPP, o irmão da vítima, testemunha da briga, disse que o caso começou com uma discussão na área do parque conhecida como Fazendinha. Ele identificou o agressor, que ainda não havia sido localizado pela polícia até a noite de ontem.

De acordo com o posto da 1ª Delegacia da Polícia Civil que funciona no Acampamento Farroupilha, esse é o primeiro caso de lesão corporal a faca registrado desde o início das atividades.



SAPIRANGA - BM prende quadrilha

A Brigada Militar acredita ter prendido, na noite de ontem, a uma quadrilha suspeita de assalto a bancos e com ligação ao roubo de cargas no Estado. Três homens e uma mulher foram presos em Sapiranga, no Vale do Sinos, e armamento e produtos eletrônicos, apreendidos.

De acordo com o comandante do 32º Batalhão de Polícia Militar (BPM), major Marcelo Carpes, a corporação recebeu uma denúncia de que homens exibiam armas em uma festa na Vila Ipiranga. Quando uma guarnição chegou ao local, um deles, de dentro de uma casa, apontou uma pistola 9mm para os brigadianos. O major acredita que ele só não efetuou os disparos porque, com ele, havia uma mulher e duas crianças.

Em outro cômodo, estavam dois homens, que tentaram fugir pelos fundos, mas não obtiveram sucesso. Até a meia-noite, apenas Daivd Luis Pedroso havia sido identificado como foragido e assaltante. Há suspeita de participação em um assalto ao Sicredi de Morro Reuter no começo do mês.

Conforme o tenente-coronel Carlos Armindo Thomé Marques, que responde pelo Comando Regional de Policiamento Ostensivo do Vale do Sinos, o luxo da casa em que o grupo estava, em uma vila pobre, é um dos indícios de que haja ligação com o crime. O que reforça a suspeita de relação com o roubo de carga foi a apreensão de um bloqueador de GPS, além de notebooks novos.

– É um equipamento bem caro e muito usado para roubo de cargas. Como os caminhões são monitorados, as quadrilhas usam o bloqueador para interceptar o sinal – explica.

Foram apreendidos armas, toucas ninja, perucas, coletes à prova de balas, miguelitos, três rádios na frequência da BM, uma moto, um i30, placas de carros e maconha.
Postar um comentário