SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

AUMENTO NO NÚMERO DE HOMICÍDIOS EM VACARIA

REDE SUL DE RÁDIO

por Aldoir Santos. Fátima , dia 01/10/2013 às 13:21

Delegado analisa aumento no número de homicídios em Vacaria. Consumo de bebidas alcoólicas estão entre os fatores para este tipo de crime


O número de homicídios em Vacaria cresceu neste ano em um comparativo com os anos anteriores. Em 2010 foram 19 ocorrências dessa natureza; em 2011 este número caiu para 13 e no ano passado foram 12 mortes. Já em até setembro de 2013 foram registrados 14 homicídios no município. O delegado titular da DP de Vacaria Anderson Silveira de Lima destaca que a maioria dos casos, no entanto, foram esclarecidos pelas equipes de investigações da polícia civil. Isto segundo ele afasta a sensação de impunidade. Fatores como a desigualdade social e o consumo de bebidas alcoólicas são apontados pelo delegado como motivadores para o mais grave crime contra a vida.

O último caso registrado foi dia 26 de setembro em que em um latrocínio, roubo seguido de morte, dois homens foram mortos. O autor dos crimes que é natural de Frederico Westphalen foi preso em seguida pela polícia civil. O delegado Anderson Silveira de Lima observa que em alguns casos os autores dos homicídios não são da cidade.
Postar um comentário