SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sábado, 26 de outubro de 2013

MANIFESTANTES AGRIDEM E ROUBAM COMANDANTE DE ÁREA DA PM

ZERO HORA 26/10/2013 | 00h12

Protesto em SP tem depredações, 78 detidos e um coronel da PM é agredido. Coronel Reynaldo Simões Rossi teve a clavícula quebrada e muitas escoriações na região da face


Oficial da Polícia Militar foi socorrido e levado ao Hospital de ClínicasFoto: Alexandre Moreira / Brazil Photo Press/Folhapress


A Polícia Militar (PM) deteve 78 pessoas após manifestação pelo passe livre terminar em depredação de ônibus, caixas eletrônicos e cabines de venda de bilhetes no terminal Dom Pedro II. Os detidos foram encaminhados para o 78º Departamento de Polícia (DP) e para o 2º DP. Segundo a polícia, houve infiltração de criminosos entre os manifestantes. As informações são da assessoria de imprensa da PM.

O coronel da PM Reynaldo Simões Rossi, comandante do policiamento da área centro, foi agredido e teve roubada a pistola calibre 40 e o rádio comunicador. "O coronel PM Reynaldo teve a clavícula quebrada e muitas escoriações na região da face e cabeça, sendo socorrido ao Hospital das Clínicas junto com o auxiliar, que teve ferimentos e passa por atendimento médico", informou, em nota a PM. Em foto disponibilizada pela polícia, é possível ver uma pessoa mascarada batendo com uma madeira nas costas e na cabeça do coronel.

Além das ocorrências no terminal Dom Pedro II, houve registro de confronto entre manifestantes e policiais na Praça da Sé e nas ruas próximas. Bancos foram depredados. A Tropa de Choque chegou a disparar bombas de efeito moral. Manifestantes também depredaram a subprefeitura da Sé, na Rua Álvares Penteado. De acordo com a PM, algumas pessoas mascaradas roubaram cerca de R$ 1.500 de uma cabine do terminal Dom Pedro. Cerca de 15 caixas eletrônicos foram danificados.

A passeata organizada pelo Movimento Passe Livre começou pacificamente no Theatro Municipal, passou por ruas do centro antigo da cidade, pela Avenida Tiradentes e seguiu para o Terminal Dom Pedro, na Sé.


AGÊNCIA BRASIL

COMENTÁRIO DO BENGOCHEA - Agredir agentes do Estado, roubar arma de um policial, furtar equipamentos do Estado, vandalizar e depredar lojas, furtar equipamentos e objetos são afrontas ao Estado democrático de Direito que não pode passar em branco na justiça criminal, na sociedade organizada e nem nos parlamentos onde estão os representantes do povo, eleitos para criar leis e sustentar a democracia no Brasil. A omissão estimula a impunidade e a impunidade fomenta ainda mas a violência.
Postar um comentário