SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

INVADEM CASA, FAZEM REFÉM, ROUBAM E SÃO PRESOS

G1 - 06/11/2013 09h38

Grupo faz vítima refém, rouba R$ 30 mil e é preso pela PM em Uberaba. Ladrões invadiram casa e roubaram o cofre onde estava o dinheiro. Quatro jovens foram detidos em uma estrada vicinal e reconhecidos.


Do G1 Triângulo Mineiro

Quatro jovens foram detidos na tarde desta terça-feira (5) próximo ao Conjunto Antônia Cândida, em Uberaba, após um assalto à residência no Bairro Uberaba I. Os ladrões renderam um homem de 49 anos, roubaram R$ 30 mil em dinheiro que estava em um cofre e fugiram no carro da vítima. Os suspeitos foram encaminhados para a delegacia.

Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima chegava em casa quando foi abordada por criminosos encapuzados que anunciaram o assalto pedindo os cofres. Os ladrões invadiram o imóvel, onde o homem foi amarrado e agredido com coronhadas, chutes e socos. Os jovens roubaram três cofres com o dinheiro e cheques, além de bijuterias, uma TV e um celular.

O grupo fugiu no carro da vítima sentido ao Bairro Elza Amuí. Após uma denúncia, o veículo foi encontrado abandonado em uma estrada vicinal no Conjunto Antônia Cândida. Enquanto aguardavam o guincho, os militares viram os suspeitos do crime em outro carro.

Ao perceber que seria abordado, o grupo fugiu, mas foram perseguidos pela PM, detidos e identificados como jovens com idades entre 19 e 25 anos. A vítima reconheceu os suspeitos. A TV e R$ 900 em dinheiro foram recuperados. Os jovens não disseram onde estava a arma nem o restante do dinheiro.

COMENTÁRIO DO BENGOCHEA - Quanto tempo ficarão na cadeia? Em quanto tempo serão julgados? E a punição será exemplar e capaz de inibir a reincidência?
Postar um comentário