SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 26 de novembro de 2013

TENTATIVA DE EXECUÇÃO MATA MENINO DE 12 ANOS

ZERO HORA 26 de novembro de 2013 | N° 17626


NOVO HAMBURGO. Menino de 12 anos morre baleado



A polícia está convicta de que o menino Eduardo Roberto de Lima dos Santos, 12 anos, pagou com a vida pelos problemas do pai, na noite de domingo, em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos.

Por volta das 22h20min, o adolescente acabou baleado em uma pizzaria da Rua La Paz, no bairro Santo Afonso, por homens que teriam entrado no estabelecimento atirando.

O alvo dos dois criminosos, já identificados pela Delegacia de Homicídios de Novo Hamburgo, seria Márcio Roberto dos Santos, 31 anos, pai do menino, com antecedentes por tráfico. Ele foi ferido por um tiro de raspão debaixo de um dos braços. Está internado, sem risco de morte, no Hospital Municipal. Um tio da vítima, que também estava junto, escapou sem ferimentos.

Os atiradores teriam chegado em um Audi A3, escuro, mas outros veículos, incluindo uma moto, teriam sido usados por comparsas. Aproximaram-se da mesa na qual estavam as vítimas e começaram a atirar. Eduardo foi atingido por um disparo no braço e outro no peito.

De acordo com o delegado Enizaldo Plentz, a principal hipótese é a de um acerto de contas a partir de um desentendimento entre criminosos no Presídio Central. Em novembro do ano passado, Márcio foi preso juntamente com uma quadrilha de traficantes. Mesmo tendo suspeitos do crime, até o momento a polícia não realizou prisões.
Postar um comentário