SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sábado, 28 de dezembro de 2013

EMPRESÁRIO É VÍTIMA DE LATROCÍNIO EM PANAMBI-RS

IJUI NEWS, Seg, 23 de dezembro de 2013

Morre empresário vítima de um latrocínio em Panambi. O empresário Hilário Hatje, 72 anos, não resistiu e morreu na manhã desta segunda-feira, 23, após ser vítima de um latrocínio.





O empresário Hilário Hatje (foto), 72 anos, não resistiu e morreu na manhã desta segunda-feira, 23, após ser vítima de um latrocínio. O crime ocorreu por volta das 7h50, quando dois homens armados abordaram o empresário no centro do município de Panambi , cerca de cem metros do seu estabelecimento comercial, a Agência Tabapirã Loterias, e anunciaram o assalto. Foto: Agora Já.net

O empresário Hilário Hatje, 72 anos, não resistiu e morreu na manhã desta segunda-feira, 23, após ser vítima de um latrocínio.

O crime ocorreu por volta das 7h50, quando dois homens armados abordaram o empresário no centro do município de Panambi, cerca de cem metros do seu estabelecimento comercial, a Agência Tabapirã Loterias, e anunciaram o assalto.

Um dos ladrões teria desferido o primeiro tiro com a arma praticamente encostada no corpo do empresário, tendo atingido o ventre.

Um segundo disparo foi efetuado e o empresário caiu ao chão.

Os ladrões fugiram em direção a Rua Barão do Rio Branco, onde estariam sendo aguardados e entraram em um veículo Fiat Palio de cor azul, com placas de São José das Missões.

A vítima chegou a ser socorrida e encaminhada ao Hospital de Panambi, mas não resistiu e acabou falecendo.

A Polícia está mobilizada já tendo informado policias de toda a região. Fonte: Agoraja.net, de Panambi

Veja o local onde o empresário foi atacado e atingido - Fotos do Portal Agoraja.net, de Panambi






IJUI NEWS Ter, 24 de dezembro de 2013

Câmeras mostram latrocínio de Hilário Hatje, de Panambi. Câmeras de vídeo-monitoramento registram o assassinato do empresário Hilário Hatje. Ação dos marginais durou cerca de seis segundos.




Estes são os assassinos do empresário Hilário Hatje que sofreu o ataque e foi atingido com disparo à queima-roupa às no início da manhã desta segunda-feira, 23, quando se dirigia ao seu trabalho. Veja abaixo imagem ampliada dos assassinos do empresário e veja o vídeo. Qualquer informação pode ser repassada à Polícia pelos nº 197; (55) 33 75 - 48 48; 190 e (55) 33 75 - 50 55. Fotomontagem: Portal Agoraja.net

Cenas do crime que vitimou o empresário Hilário Hatje foram gravadas por câmeras de vídeo-monitoramento de estabelecimentos comerciais existentes na Rua Holanda, em Panambi.

A polícia está requisitando as gravações para identificar os assassinos e o setor de identificação já está com o trabalho adiantado.

Existem ainda alguns desencontros de informações a respeito do veículo ou veículos que teriam sido utilizados pelos marginais no momento da fuga, porém todas as provas estão sendo reunidas com vistas a determinar a autoria do crime.

Através de gravações já em poder da polícia, notam-se claramente os dois principais envolvidos no crime, aqueles que desferiram os tiros que mataram o empresário Hilário Hatje.

Um deles é de preto de estatura média, aproximadamente 1m65cm, vestia uma bermuda de cor branca, moletom preto e boné preto com inscrições em branco, ele calçava tênis de cor preta.

O outro elemento é de porte mais avantajado, de aproximadamente 1m70cm cor morena, tipo entroncado, vestia calça marrom, camiseta preta com estampa no peito e um boné preto com um coração no lado esquerdo, e calçava tênis preto com detalhe branco.

Desconsiderando-se a possibilidade de que o empresário estivesse sendo monitorado pelos marginais, toda a ação, desde a abordagem até os dois disparos de revólver durou apenas seis segundos.

O ladrão que fez a abordagem disparou o primeiro tiro com o cano do revólver encostado na vítima enquanto que o comparsa se aproximou correndo e, com a vítima já caída disparou o segundo tiro, porém, este errou o alvo, tendo o projétil ficado próximo a porta de entrada da loja representante da OI Tliga.

Após o ataque ambos os criminosos fugiram a pé pela Rua Holanda até entrarem em um veículo, que pode ser:

- um Fiat Palio de cor azul;

- um Volkswagen Gol de cor prata e

- nova informação trás um Fiat Siena, de cor escura.

Na manhã desta terça-feira foram recolhidas novas pistas, que foram encontradas na Agência Tabapirã Loterias, onde marginais (que podem ser os mesmos) tentaram arrombar, tendo inclusive, quebrado o teto e abandonado no local uma alavanca de ferro e uma camiseta.

Estes objetos foram recolhidos pela Polícia Civil.

Qualquer informação que possa auxiliar a polícia a chegar aos criminosos podem ser repassada aos telefones:

197
33 75 - 48 48
190 e
33 75 - 50 55.

A identidade do informante será resguardada no mais absoluto sigilo. 

Fonte: Portal Agoraja.net, de Panambi

Veja o vídeo do latrocínio do empresário Hilário Hatje: (Clique no endereço)

https://www.facebook.com/photo.php?v=614946848551392&set=vb.605595106153233&type=2&theater


IJUI NEWS, Sex, 27 de dezembro de 2013

Polícia de Panambi indicia por comentários pejorativos em rede social. Manifestações ofensivas sobre o latrocínio ocorrido em Panambi serão denunciadas como crime desacato pelo delegado Dr. Carlos Anhaia Beuter, de Panambi.



Foto:Agora já.net

De acordo com informações do Delegado Titular da Delegacia de Polícia de Panambi, Dr. Carlos Anhaia Beuter (foto), abusando do direito de manifestação alguns comentários extrapolaram os limites do tolerável e acabaram sendo denunciados como abusivos e, em um caso responderá o autor e em outro caso serão denunciados o autor por ato infracional por se tratar de adolescente e seus responsáveis solidariamente.

A Polícia Civil de Panambi instaurou procedimentos criminais praticados por indivíduos que se manifestaram na rede social Facebook.

As manifestações ocorreram em espaço destinado a comentários no portal www.agoraja.net, a respeito do latrocínio do empresário Hilário Hatje, ocorrido em Panambi, na última segunda-feira, 23.

Fugindo do contexto noticioso, alguns comentários foram direcionados a ofensas contra a instituição Brigada Militar.

Isto foi visto como crime de natureza penal comum e os responsáveis terão que responder a processo e procedimentos.

De acordo com informações do Delegado Titular da Delegacia de Polícia de Panambi, Dr. Carlos Anhaia Beuter, abusando do direito de manifestação alguns, comentários extrapolaram os limites do tolerável e acabaram sendo denunciados como abusivos .

E em um caso o autor responderá e em outro caso serão denunciados por ato infracional por se tratar de adolescente e seus responsáveis solidariamente.

Este não é o primeiro caso em que uma pessoa é denunciada por manifestação considerada de cunho criminoso.

Anteriormente, ainda no mês de novembro um jovem residente em Pejuçara foi denunciado por ter articulado comentário no qual colocava em dúvida a reputação de policiais militares e bombeiros. 

Fonte:Agoraja.net, de Panambi

http://www.ijui.com/seguranca/56977-delegado-de-policia-de-panambi-vai-indiciar-individuos-por-comentarios-pejorativos-em-rede-social.html#sthash.1KwxFGB2.dpuf
Postar um comentário