SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sábado, 4 de janeiro de 2014

BANDIDOS ASSALTAM JOALHERIA, FEREM PM E FOGEM COM REFÉNS


RADIO PROGRESSO DE IJUI, Sábado, 04/01/2014 - 19:06 Hrs

Polícia procura bandidos que praticaram assalto com reféns em joalheria de Selbach

Três homens estão foragidos após assaltar uma joalheria e balear um policial em Selbach. Armados com pistolas e revólveres, o bando fugiu com reféns após trocar tiros com a Brigada Militar. A ação ocorreu na ótica Palládio, que fica no centro da cidade. Dois policiais surpreenderam os assaltantes que ainda estavam dentro da loja.

Eles fizeram uma funcionária e uma cliente como reféns e fugiram a pé, até abordarem a motorista de um Fócus. Naquele momento eles liberaram as duas mulheres, mas mantiveram a condutora no carro. Os bandidos atiraram contra a viatura da BM e o sargento Laércio Bottega Funck foi ferido na mão e no rosto, mas sem gravidade.

Durante a fuga o trio derrapou o automóvel em Linha Floresta, distrito de Selbach. Eles decidiram abandonar o carro e abordaram outro veículo, desta vez um Cruze. Cerca de uma hora e meia depois este veículo foi deixado no trevo da ERS 223, na entrada de Passo Fundo, e a refém liberada. Os marginais que permanecem foragidos levaram pequena quantia em dinheiro e um relógio da ótica, além de jóias de uma cliente. Já as mochilas com o material do estabelecimento foram deixadas na loja, onde também foram encontrados 23 cartuchos calibre 38.
Postar um comentário