SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

MENORES PRATICAM FURTOS E ROUBOS


Menores são apreendidos após praticarem furtos e roubos em Laranjeiras, Flamengo e Largo do Machado. Eles atacaram pedestres e furtaram produtos em supermercado

BRUNO AMORIM
PAULA AUTRAN
SÉRGIO RAMALHO
O GLOBO
Atualizado:8/01/14 - 14h39

Adolescentes que fizeram assaltos na Lagoa tentam fugir da polícia em 07/01/2014Simone Marinho / O Globo


RIO - Pelo segundo dia consecutivo, menores que praticavam roubos a transeuntes na Zona Sul foram apreendidos, no início da tarde desta quarta-feira. Guardas municipais e policiais militares do 2º BPM (Botafogo), com apoio de agentes do Grupamento de Ações Especiais da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), detiveram cinco adolescentes que roubavam pedestres na Rua Marquês de Abrantes, no Flamengo, e furtos no supermercado Extra, no Largo do Machado. O bando foi encaminhado para a 9ª DP (Catete).

Próximo ao local, na Rua das Laranjeiras, um outro grupo de adolescentes foi apreendido nas imediações do supermercado Princesa, em Laranjeiras. Eles assustavam as pessoas e puxavam seus pertences, quando uma patrulha da PM começou a persegui-los, auxiliada por homens armados de fuzis correndo pela calçada. Um dos menores foi contido por pedestres e entregue à PM. A confusão aconteceu na altura do supermercado Princesa, perto da saída do Túnel Santa Bárbara.

O 2º BPM, no entanto, só confirmou a apreensão do grupo que agia no Flamengo e no Largo do Machado.

Bando preso na Lagoa

Nesta terça-feira, um bando formado por cerca de 15 adolescentes fez uma série de roubos quando retornava da praia, na Avenida Borges de Medeiros, na Lagoa. Inicialmente, o grupo saqueou os passageiros no interior de um ônibus da linha 476 (Leblon-Méier), que seguia em direção ao Túnel Rebouças. Logo em seguida, os ladrões aproveitaram o congestionamento na via e passaram a atacar pedestres, além de alguns ocupantes de veículos parados no engarrafamento.

A ação dos ladrões começou assim que o coletivo, vindo do Leblon, chegou à Lagoa, onde o tráfego era intenso. Integrantes do bando, dentre eles ao menos três mulheres, quebraram a porta de saída do ônibus. Com isso, sempre que o veículo parava em um ponto, parte do grupo descia e assaltava quem esperava por transporte. Os saques só foram contidos quando uma passageira alertou dois policiais, que estavam numa patrulha parada próximo a um quiosque, num trecho conhecido como Baixo Bebê, na altura da Fonte da Saudade.

Assim que os PMs se aproximaram do coletivo, os integrantes do bando desceram e correram entre os veículos. Houve pânico entre mães, babás e crianças, que estavam no quiosque. Duas mulheres chegaram a ser detidas pelos policiais e levadas à 14ª DP (Leblon). De acordo com o motorista do ônibus, que pediu para não ser identificado, os assaltos na linha são uma rotina no retorno da praia durante o verão.

Postar um comentário