SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

MÁQUINAS FURTADAS

ZERO HORA 17 de fevereiro de 2014 | N° 17707


MAURICIO TONETTO

DOIS IRMÃOS - Fotógrafos paulistas têm prejuízo de R$ 150 mil



Relaxados com o ambiente tranquilo de Dois Irmãos, município de 28 mil habitantes, no Vale do Sinos, quatro repórteres fotográficos e dois motoristas de São Paulo não perceberam, quando fizeram uma pausa para almoçar em um restaurante às margens da BR-116, na tarde de ontem, que estavam sendo observados por uma dupla de ladrões.

Eram 13h30min. Em minutos, os criminosos levaram equipamentos avaliados em R$ 150 mil e fugiram em um Celta vermelho.

Eles furtaram o material enquanto a equipe caminhava do estacionamento até o interior do Restaurante Casa da Vovó. A ação foi rápida e não chamou a atenção. Um dos veículos, um Palio Weekend, teve o vidro quebrado. O outro, um Duster, estava intacto. A Polícia Civil acredita que os bandidos tenham usado na ação um scanner, que bloqueia o alarme com controle remoto e não deixa rastros. Os automóveis foram alugados em Porto Alegre na manhã de ontem.

Após o almoço, os profissionais seguiriam para Gramado, onde fariam um trabalho para a Harley-Davidson, fotografando e filmando o lançamento de uma motocicleta da multinacional nas estradas da Serra. Jornalistas especializados, eles testariam a nova Harley.

Conforme o fotógrafo Pedro Bicudo, 49 anos, foram levadas ao menos oito câmeras, 10 objetivas, 10 flashes, três notebooks e três GoPro. Com 29 anos de carreira, essa é a primeira vez em que ele é furtado durante o trabalho. Bicudo lamenta que isso tenha ocorrido em um local onde não espera ser alvo:

– Saímos de uma cidade violenta e deparei com isso logo aqui, nessa região linda e pacífica. Penso agora que eles sabiam o que queriam e estavam atrás de nós. Viemos traçando a rota de Porto Alegre até a Serra no GPS e não prestamos atenção se estávamos sendo seguidos. É difícil acusar alguém, mas é muito estranho. Só percebemos tudo quando entramos nos carros para seguir viagem.

Investigação vai se iniciar no Aeroporto Salgado Filho

De dentro do restaurante, os repórteres tinham a visão dos automóveis, mas não perceberam o crime. O delegado plantonista da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento de Novo Hamburgo Eric Seixas Dutra, que atendeu a ocorrência, identificou as placas do Celta. Um suspeito já é conhecido:

– As câmeras de circuito interno do estabelecimento captaram as placas e as imagens serão transmitidas para a polícia de Dois Irmãos para análise. A indicação é que os assaltantes sabiam dos valores.

A delegada Ariadne Langanke, titular da 3ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana, em Dois Irmãos, não lembra de casos semelhantes no local. Ela investigará o crime desde a chegada dos repórteres à Capital e o desembarque no Aeroporto Salgado Filho:

– Vamos traçar a investigação a partir de hoje (ontem).

O seguro das câmeras, lentes e notebook não cobria furto.

– Vamos alugar o equipamento em Porto Alegre para continuar trabalhando, fazer o quê? – diz Bicudo.

Postar um comentário