SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sexta-feira, 7 de março de 2014

BANDIDO CONFESSA AUTORIA DE QUATRO CRIMES

Do R7 06/3/2014 às 21h48


"Maníaco do Brás": jovem confessa autoria de crimes. Crimes têm em comum o horário e o fato de as vítimas terem tido a região do pescoço cortada


Jovem aparece em vídeo com as mesmas roupas apreendidas pela polícia no local onde morava. Montagem/R7

O jovem que foi preso suspeito de ser o "maníaco do Brás" confessou, na tarde desta quinta-feira (6), a autoria de quatro crimes na região. O rapaz foi levado à sede do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa), onde prestou depoimento. A princípio, a advogada do suspeito negou que o jovem fosse o responsável pelos crimes.

O rapaz de 19 anos veio de Pernambuco para São Paulo e sempre andava com a faca na cintura, pois estava “preparado para matar quem aparecesse no caminho”. Ele morava no fundo de um bar, onde os policiais encontraram uma camiseta preta e um boné, peças que aparecem nas imagens do circuito de segurança analisadas pela polícia na investigação das mortes.

Outro fator que faz a polícia acreditar que o mesmo homem foi responsável pelas outras mortes é o horários dos crimes, sempre após as 3h. Os quatro crimes têm em comum o fato de as vítimas terem tido a região do pescoço cortada pelo assassino.

Postar um comentário