SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

DESARTICULADA QUADRILHA QUE COMANDAVA O T'RAFICO DA CADEIA

ZH 17/09/2014 | 09h01

 

Polícia Civil prendeu 11 adultos e apreendeu um adolescente até as 8h30min

Eduardo Rosa




A Polícia Civil desarticulou uma quadrilha cujos líderes atuavam no tráfico de drogas de dentro da Penitenciária Modulada de Montenegro. Com 24 mandados de busca e apreensão e oito mandados de prisão preventiva, a operação Alley II prendeu 11 adultos e apreendeu um adolescente até as 8h30min desta quarta-feira. Três investigados já estavam na cadeia, condenados após a operação Alley I, em abril de 2011.

A apuração durou seis meses e contou com interceptações telefônicas para chegar aos líderes do bando, que tinha atuação restrita a Montenegro. Entre os detidos, quatro foram em flagrante — por tráfico de entorpecentes e porte ilegal de armas. Também foram apreendidos maconha, crack e cocaína.

— Os que já estavam na modulada continuarão lá. Os demais serão encaminhados para o mesmo local — explica o delegado Marcelo Farias Pereira, titular da Delegacia da Polícia Civil de Montenegro, acrescentando que o adolescente deve ser apresentado ao Ministério Público.


Além da delegacia de Montenegro, a ação teve apoio das regionais de Gramado, Caxias do Sul e Lajeado. Brigada Militar e Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) também integraram a operação, que contou com 120 servidores públicos. Como equipes continuarão o trabalho nas ruas, o número de detidos pode aumentar ao longo do dia. ZH N
Postar um comentário