SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

OITO PESSOAS ASSASSINADAS NA REGIÃO METROPOLITANA DE POA

DIÁRIO GAÚCHO 09/10/2014 | 08h55

Eduardo Torres


Madrugada violenta. Em seis horas, oito pessoas foram assassinadas na Região Metropolitana
Crimes aconteceram na Capital, em Novo Hamburgo, Guaíba e Alvorada. Para a polícia, principal hipótese é de que todos os homicídios estejam relacionados ao tráfico de drogas



Foram disparados pelo menos 70 tiros no Bairro Rio Branco Foto: Adriana Franciosi / Agencia RBS


A Região Metropolitana viveu seis horas de violência entre a noite de quarta e a madrugada de quinta. Oito pessoas foram assassinadas e outras duas ficaram baleadas em ataques a tiros entre Porto Alegre, Alvorada, Guaíba e Novo Hamburgo.

Por volta das 20h30min, a cuidadora de idosos Marilene Teixeira, 37 anos, foi executada em frente às duas filhas, de 10 e 11 anos, dentro de casa, na Rua Evaldo Scheid, Bairro Roselândia, em Novo Hamburgo. A polícia já tem dois suspeitos. De acordo com o delegado Enizaldo Plentz, da Delegacia de Homicídios local, o crime teria sido comandado por um traficante atualmente preso, como represália por uma suposta denúncia.

Duas horas depois, aconteceu o caso mais grave. Três homens foram mortos em uma chacina com pelo menos 70 disparos de 9mm, .40 e calibre 38 quando estavam em um carro na Rua São Vicente, Bairro Rio Branco, em Porto Alegre.

Pouco mais de uma hora depois, outro homem foi morto a tiros em um beco próximo à Avenida Ary Tarragô, no Bairro Jardim Itu-Sabará. Neste crime, outros dois homens foram baleados. Um deles segue internado em estado gravíssimo na UTI do Hospital Cristo Redentor.

A suspeita da 5ª DHPP é de que os dois crimes estejam relacionados.

Por volta da 1h, dois homens foram mortos com tiros no rosto na Vila Tupã, em Alvorada. Eles foram identificados como Flávio Augusto Peres Alos, 23 anos, e Diego Ferreira Oliveira, 23 anos.

Os assassinatos terminaram por volta das 2h30min, quando Michel Terra foi morto a tiros quando chegava em casa, em Guaíba.


Postar um comentário