SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

ATENTADO CONTRA POSTO DE FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL DEIXA DOIS FERIDOS

CORREIO DO POVO 25/11/2014


Dois ficam feridos em atentado a posto de fiscalização em Eldorado do Sul. Invasores espalharam líquido inflamável e atearam fogo no local
 



Um atentado contra o posto de fiscalização da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito no Km 1 da Estrada do Conde, no bairro Itaí, em Eldorado do Sul, deixou dois agentes feridos no final da noite de segunda-feira. As vítimas, que estavam de plantão, ficaram queimadas no incêndio provocado por dois criminosos armados que invadiram o local por volta das 23h30min. Os desconhecidos estavam com os rostos descobertos, mas colocaram capuzes ao se depararem com um dos agentes de trânsito, de 50 anos, que foi obrigado a ficar ajoelhado. Em seguida, o colega dele, de 36 anos, também foi rendido.

Os invasores espalharam um líquido inflamável e atearam fogo, fugindo depois na direção de um matagal do outro lado da estrada. As pernas do primeiro agente de trânsito foram atingidas pelas chamas, ficando com graves queimaduras. Já o segundo agente teve a mão direita machucada pelo fogo ao socorrer o colega. “Foi muito violento”, recordou na manhã desta terça-feira ao retornar ao local. Abalado, ele não quis falar do que havia ocorrido.

Policiais militares do 31º Batalhão de Polícia Militar foram acionados após a fuga dos desconhecidos e realizaram buscas na região, mas não localizaram os suspeitos. Já os bombeiros combaterem o incêndio que destruiu totalmente o posto de fiscalização. Socorridas, as vítimas receberam atendimento médico em um posto de saúde da cidade.

Durante esta manhã, uma equipe do Departamento de Criminalística realizou a perícia nos escombros do posto de fiscalização. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia de Eldorado do Sul, sendo levantada a hipótese de que o atentado foi um ato de represália cujo motivo ainda são ignorados. Possíveis imagens de câmeras de monitoramento da área do posto de fiscalização de trânsito estão sendo examinadas.

O delegado titular da DP Alencar Carraro revelou que algumas pistas surgidas já estão sendo apuradas. Uma das dúvidas dos policiais civis é se os dois agentes seriam o alvo ou foram vítimas apenas por estarem de plantão no momento do ataque. “Não é um crime político”, fez questão de ressaltar o delegado Alencar Carraro.
Postar um comentário