SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

DEPENAÇÃO EM ALTA



O SUL Porto Alegre, Sexta-feira, 21 de Novembro de 2014.



WANDERLEY SOARES


Quadrilheiros retomaram uma atividade que parecia em extinção



Os roubos e furtos de carros, levados por inteiro por quadrilhas especializadas, chegaram a dar a impressão de que os depenadores de veículos estivessem extinção. Possivelmente alavancados por receptadores, a depenação de veículos deixados estacionados nas ruas agora está em alta, o que é facilitado pelo rarefeito policiamento ostensivo muito especialmente durante a noite. O objetivo maior dos ladrões tem sido as rodas que são negociadas com desmanches clandestinos (nem tão clandestinos) ou trocadas por drogas. Ainda esta semana um cidadão que teve de levar um filho ao HPS deixou seu carro na bela avenida José Bonifácio e, ao retornar, encontrou o veículo sem as rodas e com o painel totalmente depredado. A José Bonifácio, durante a noite e mesmo em grande parte do dia é uma espécie de feudo de ladrões e traficantes


Banco


Pelo menos três homens assaltaram a agência do banco Sicredi na avenida Benjamin Constant esquina com a rua 11 de Agosto, bairro São João, Zona Norte de Porto Alegre. O trio abordou um funcionário que entrava para trabalhar por volta das 9h. Em seguida, rendeu os demais trabalhadores e todos foram trancados em um banheiro. Os criminosos roubaram dinheiro do cofre e fugiram


Celulares


A Susepe (Superintendência dos Serviços Penitenciários) deverá implementar nos próximos dias o fim da revista intíma convencional nas cadeias do RS. Segundo o superintendente Gelson Treiesleben os visitantes poderão passar pela revista com roupas íntimas. Equipamentos para detecção de metais e entorpecentes serão usados durante a vistoria. O superintendente afirma que a medida é suficiente para impedir a entrada de armas e drogas no sistema prisional. O futuro dirá se os celulares também serão interceptados


Luxo bandido


A Polícia Civil desarticulou uma quadrilha que atuava no roubo e clonagem de carros na Grande Porto Alegre. Os criminosos usavam o dinheiro para aparentar uma vida típica de classe alta. Promoviam festas com mulheres em locais de luxo e postavam fotos em redes sociais. De acordo com o delegado Thiago Baldin, o grupo chegou a alugar uma sala comercial em um shopping da Zona Sul da Capital com aluguel de R$ 3 mil por mês


Imposição bandida



Mesmo com o reforço de policiamento anunciado pela Brigada Militar, duas escolas e um posto de saúde fecharam as portas na tarde de ontem em razão da falta de segurança na Região das Ilhas de Porto Alegre. A Escola Estadual de Ensino Fundamental Alvarenga Peixoto e a Unidade Básica de Saúde, na Ilha dos Marinheiros, além da Escola Estadual Oscar Schimitt, na Ilha das Flores, suspenderam o serviço. A Unidade Básica de Saúde da Ilha dos Marinheiros encerrou o atendimento e irá remarcar as consultas. Na madrugada de ontem, o corpo de um integrante da gangue da Ilha do Pavão foi encontrado na rua com marcas de tiros

Postar um comentário