SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

domingo, 9 de novembro de 2014

HOMEM MORRE DURANTE BRIGA PARA ABASTECER O CARRO

Homem morre durante briga em posto de combustíveis em São Leopoldo. A causa, conforme a Polícia Civil, foi uma parada cardiopulmonar


ZH 08/11/2014 | 20h24



Uma discussão entre dois clientes de um posto de combustíveis em São Leopoldo, no Vale do Sinos, terminou em morte neste sábado. O motivo do desentendimento, que teve agressão física, seria que ambos queriam abastecer o carro na mesma bomba.

De acordo com informações da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), Laerte Rodrigues da Rosa, 57 anos, sofreu uma parada cardiopulmonar durante a briga. O outro envolvido, Marcio Lusiano, 41 anos, foi preso em flagrante e autuado por lesão corporal seguida de morte, crime cuja pena varia de quatro a 12 anos de reclusão e não dá direito a fiança.

Em depoimento à Polícia Civil, ele declarou que esperava sua vez de ser atendido e foi ofendido por Rodrigues.

— No momento em que os direitos humanos deveriam estar elevados e o bom senso ser exaltado, isso (agressão) é inadmissível — afirma a delegada Elisabete Scopel.

A delegada relata que familiares de Lusiano chegaram a ser agredidos por pessoas que estavam na rua. Os agressores, no entanto, fugiram com a chegada da Brigada Militar.

*Zero Hora
Postar um comentário