SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

A BELEZA DE UM GESTO SILENCIOSO



ZERO HORA - 24/12/2014 e 25/12/2014 | N° 18023


INFORME ESPECIAL | Tulio Milman




Aconteceu durante o especial de fim de ano da RBS TV. Foram quatro horas e 20 minutos ao vivo, sem parar. Um show de televisão.

Mas eu quero contar uma outra coisa. Elói Zorzetto, Manoel Soares, Cristiane Silva, Cláudio Brito, Simone Lazzari e eu pedíamos doações de brinquedos e de comida. Muita gente apareceu. A imensa maioria, humilde.

Lá pelas tantas, avistei um amigo com uma sacolinha na mão. Era um brinquedo novo, que ele havia comprado para doar.

Um cara famoso, que percorre o Brasil dando palestras, que escreve artigos e encanta plateias. Um profissional que sabe a importância da mídia e que depende dela, em boa parte, para viver.

O Cézar Freitas, diretor da RBS TV, sugeriu que eu o entrevistasse. Adorei a ideia, porque esse meu amigo fala bem, é profundo em suas abordagens. Está acostumado a se expor.

Mas meu amigo resistiu. “Eu vim aqui por outro motivo”, ele dizia. Fui insistindo, insistindo. Faltavam poucos minutos para entrarmos no ar. Eu o via desconfortável. Até que ele disse: “Cara, não me leva a mal. Vou embora. Não vim aqui fazer marketing. Vim doar um brinquedo”. Falou com leveza, sem qualquer agressividade. E saiu, depois de me dar um abraço apertado.

Eu já respeitava esse meu amigo. Agora, passei a admirá-lo ainda mais.

Nunca vou revelar o nome dele, mas me senti no dever de compartilhar o gesto. Foi um dos mais lindos que vi.

Ele conseguiu traduzir, como ninguém, o que deveria ser o Natal.


COMENTÁRIO DO BENGOCHEA - Por que esta matéria sobre solidariedade está aqui num blog que trata das questões de segurança? Primeiro, porque solidariedade é o maior símbolo de humanidade, que transmite a magia de doação uns com os outros, de fazer boas ações sem esperar nada em troca, de união frente às oportunidades, às ameaças, à dor e à alegria. Nas questões de justiça criminal onde a segurança pública está inserida, a solidariedade é importante para manter as pessoas unidas e mobilizar as em torno de princípios, valores, objetivos e metas sociais como segurança pública, saúde, educação, justiça criminal, justiça social, justiça tributária, exigindo dos poderes a garantia de todos os direitos sociais que aumentam a qualidade de vida e orientam para o futuro onde estarão nossos filhos e netos.

A Solidariedade social
é "a ideia de que seus praticantes sintam-se integrantes de uma mesma comunidade e, portanto, sintam-se interdependentes. Há importantes estudos sociológicos realizados pelo francês Émile Durkheim (1858-1917), em sua obra intitulada Da Divisão do Trabalho Social. Sua tese é de que a sociedade era mantida coesa por duas forças de unidade. Uma em relação a pontos de vista semelhantes compartilhados pelas pessoas, por exemplo, valores e crenças religiosas, o que ele denominou de solidariedade mecânica." (wikipedia)


Postar um comentário