SEGURANÇA PÚBLICA - CONCEITO E OBJETIVO

No Sistema de Justiça Criminal, cada poder tem funções que interagem, complementam e dão continuidade ao esforço do outro na preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio. A eficácia do sistema depende da harmonia e comprometimento dos Poderes de Estado em garantir a paz social. O Sistema de Justiça Criminal envolve leis claras e objetivas, prevenção de delitos, contenção, investigação, perícia, denuncia, defesa, processo legal, julgamento, sentença e a execução penal com objetivos e prioridades de reeducação, reintegração social e ressocialização do autor de ilicitudes. A finalidade do Sistema é garantir o direito da população à Justiça e à Segurança Pública, a celeridade dos processos e a supremacia do interesse público em que a justiça, a vida, a saúde, o patrimônio e o bem-estar das pessoas e comunidades são prioridades.

terça-feira, 14 de abril de 2015

MORRE MULHER VÍTIMA DE ESTUPRO

 

ZERO HORA 14/04/2015 | 06h16

Mulher vítima de estupro morre em Serafina Corrêa. Ela e o companheiro foram atacados por um homem no domingo
A mulher vítima de um estupro ocorrido no domingo em Serafina Corrêa morreu a meia-noite desta terça-feira. Ela estava internada desde a data no hospital da cidade. No mesmo dia, o companheiro dela foi ferido com um corte na garganta. João Antônio dos Santos, 27 anos, foi preso em flagrante pela Brigada Militar (BM) apontado como autor dos crimes.

O companheiro da mulher segue internado no Hospital São Vicente de Paulo, de Passo Fundo e, na madrugada desta terça-feira, estava na sala de recuperação após passar por uma cirurgia. O casal foi atacado por Santos em casa, no bairro Santin, no domingo.

A BM recebeu o primeiro telefonema às 6h de domingo informando sobre um homem ferido na rua. Três horas depois, os policiais receberam uma nova ligação falando sobre uma mulher encontrada nos fundos do terreno de uma casa. No momento do socorro, a mulher relatou que fora atacada pelo mesmo homem que havia ferido seu marido.

Santos foi preso em casa quando se preparada para tomar banho. Conforme a delegada Carla Zanetti, Santos admitiu os crimes informalmente e alegou que atacou o casal por conta de uma desavença com as vítimas.
Postar um comentário